Tutorial de como utilizar o cpanel da sua conta de hospedagem. Parte I

Bem, se você quer ter o seu negócio online altamente profissional, então precisa contratar um serviço de hospedagem profissional, que pode ser o da Hostgator, como recomendamos em outra postagem, ou outro de sua preferência.

 

Se você contratou o serviço da Hostgator, então receberá por e-mail um link para gerenciar a sua conta por meio do cpanel.

 

O cpanel é plataforma de controle e gerenciamento de arquivos utilizada pela grande maioria dos serviços de hospedagem, portanto é importante que você tenha um certo domínio sobre ele.

 

Esse artigo tem como objetivo ser um tutorial básico de utilização do cpanel.

 

 

Seções iniciais.

As seções iniciais do cpanel contém os links básicos da sua conta de hospedagem.

seções iniciais do cpanel

Na seção Hostgator links, estão os links que direcionam para as informações e serviços básicos da sua conta de hospedagem, tais como a situação financeira de sua conta, o serviço de contratação de domínios, a loja de templates, o painel e chat de suporte técnico, suas informações cadastrais e até bons tutoriais em PDF e em vídeo de como utilizar o cpanel, com o grande porém de não terem versões em português.    Portanto, se você não domina o inglês, continue lendo este tutorial que preparei para você.

 

Correio Eletrônico.

Nesta seção, você irá criar a conta de e-mail própria para o seu domínio, e que será utilizada por todos os visitantes de seu site, que quiserem entrar em contato com você.

 

Este e-mail também será utilizado futuramente nas suas campanhas de e-mail marketing e é de suma importância que este e-mail tenha um aspecto profissional e estritamente ligado ao seu domínio.

 

Para criar a sua conta de e-mail, acesse o link contas de e-mail. Esta página permite criar uma conta de e-mail associada ao seu domínio.

como criar contas de e-mail no cpanel

Ele vai pedir que você defina o endereço de seu e-mail tal como e-mail@seudominio.com.

 

Em seguida defina uma senha forte para poder acessar esta conta de e-mail. A própria página indica o quão forte é esta senha numa escala que vai de 0 a 100.  Criada a senha, clique no botão create account para finalizar a criação da conta.

 

Para acessar a sua conta de e-mail, você poderá tanto voltar à seção de e-mails e clicar no link acessar webmail, como nesta página mesmo da criação da conta, descer a página e escolher uma das contas existentes e clicar na setinha more, e escolher a opção “acesso ao webmail”.

acesso ao webmail no cpanel

Na página seguinte, aparecerão três opções de softwares de leitores de e-mail para você escolher. Optando por qualquer um deles, você será direcionado para a sua caixa de entrada.

 

escolha do serviço de e-mail

Criando um redirecionamento para seu e-mail.

Se você não acha prático ter que acessar toda hora essas contas de e-mail no painel de controle da sua conta de hospedagem, você poderá configurar um redirecionamento deste e-mail para a conta de correio eletrônico que você utiliza com mais frequência.

 

Na mesma página em que você faz a opção por um dos softwares leitores de e-mail, você irá notar que na parte inferior há uma opção para  gerenciar o redirecionamento de seus e-mails. (Vide círculo vermelho na imagem anterior)

 

Clique neste link e na página seguinte você irá clicar no botão add forwarder.  No campo que irá aparecer na página seguinte, você irá definir o e-mail pessoal para o qual você quer que sejam direcionadas as mensagens que chegam à caixa de entrada do seu e-mail profissional.

 

Seção de Ficheiros

Esta é a seção mais importante do seu painel de controle. É por aqui que você irá subir os arquivos do seu computador para seu site, e será aqui também que você irá gerenciar os arquivos de seu site.

 

O link mais importante desta seção é o do administrador de ficheiros. Clique nele e repare que abrirá uma janelinha perguntando para qual diretório você quer ser direcionado.

Ficheiros do cpanel

Aparecerão quatro opções, escolha a segunda “Web root public_html”, pois nesta pasta que ficarão hospedados os arquivos que serão visualizados na internet pelos visitantes de seu site.

Escolha do diretório no cpanel

Note que o painel do administrador de ficheiros é muito semelhante ao do painel do windows explorer, e se você domina bem este último, não terá dificuldade nenhuma em dominar o gerenciador.

 

Assim como no windows explorer, ele é composto por um menu superior, onde estão todas as opções de edição de seus arquivos, tais como cortar, colar, renomear, abrir, editar e exibir; uma seção lateral esquerda onde ficam todas as pastas do diretório e uma seção lateral direita, onde são exibidos os arquivos que estão dentro da pasta selecionada.

Diretórios do gerenciador de ficheiros

 

Subindo um arquivo do seu computador para o seu site.

Transferir um arquivo de seu computador para o seu site é tarefa muito simples. Você tem que ir até o menu superior e escolher a opção carregar que vem acompanhado do ícone de uma pastinha.  Na página que se segue tem um botão “browse”, que deve ser clicado para a escolha de qual arquivo de seu computador deve ser upado para seu site.

carregar ficheiros

Se você quiser editar o conteúdo deste arquivo, copiar ou mover de pasta este arquivo, se utilize dos botões localizados no menu superior.

 

Nota: Por padrão, assim que alguém acessa algum site por meio de seu endereço principal,  o primeiro arquivo a ser carregado será um no formato HTML cujo nome obrigatoriamente tem de ser index.html, sendo que nesta página constarão todos os links que direcionam para as outras páginas.

 

Portanto, se você tem vários arquivos em HTML para serem enviados para o seu site, defina aquele que você quer que seja a sua página principal,  aquela que o visitante deve  acessar primeiro e renomei-a para index.html.  Nesta página principal deverão constar todos os links que redirecionam para as páginas secundárias do site.

 

Criando uma cópia de segurança para seu site.

Certamente um dos recursos mais importantes do seu painel de controle, é a criação de uma cópia de segurança ou backup dos arquivos do site.

 

Antes de qualquer coisa, é preciso dizer que se seus arquivos estão hospedados numa conta de hospedagem altamente profissional como o da HostGator ou de qualquer outra empresa reconhecida no mercado, as chances de que os arquivos do seu site se percam são bem remotas.

 

Mas em se tratando de internet, onde até os servidores de dados mais seguros estão sujeitos ao ataque de hackers ou grandes imprevistos como um incêndio de grandes proporções que podem afetar estes servidores, é muito prudente que de vez em quando você crie cópias de segurança dos arquivos de seus sites no seu computador, para que na hora da necessidade, caso esses terríveis imprevistos aconteçam, você possa restaurá-los imediatamente e salvar o trabalho de anos.

 

Pois o assistente de backup cria cópias atulizadas dos arquivos de seus sites, que ficam disponíveis para download à qualquer momento.

 

Para fazer o backup do seu site, clique no íconezinho de backup na seção de ficheiros.

 

Na próxima página aparecerão as opções de você fazer um backup completo ou parcial do site.  A desvantagem do backup total é que a restauração terá que ser feita por você manualmente.

 

Já na parcial,  primeiro é feito o backup dos diretórios e contas de e-mail de seu site, e depois são feitos  separadamente os backups dos bancos de dados, caso você utilize um blog por exemplo.

 

A vantagem desse backup parcial é que a restauração é mais prática, sendo realizada por meio de apenas um clique.

 

Para fazer o backup parcial, vá até Partial Backups e escolha a opção Download a Home Directory Backup e clique no botão download. Aparecerá uma janela pedindo para que você escolha aonde quer salvar o arquivo.  Os diversos banco de dados que você criou aparecem logo abaixo.

 

Para restaurar algum site que você tenha perdido, o procedimento é igualmente simples. Acesse Restore a Home Directory backup, clique em browse para escolher o arquivo zipado que quer restaurar e clique em carregar.

 

Pronto seu site foi restaurado com sucesso! O mesmo procedimento é válido para os bancos de dados.

Viu, como o procedimento é extremamente simples?

 

Registros

Na seção de registros, o administrador terá acesso às estatísticas completas do site.

Registros no cpanel

Em Latest visitors, você terá acesso aos dados dos últimos visitantes de seus site.

 

Em Webalizer, o administrador terá acesso à uma série de gráficos comparando os dados de visitas, páginas acessadas e ficheiros acessados mês a mês.

 

Por fim em AWstats, o usuário terá informações mais detalhadas das visitas do seu ste, tais como o tráfego diário, origens dessas visitas por países e sites referenciadores, duração média da visita e palavras-chave mais utilizadas para encontrar o conteúdo do site.

 

Não perca os próximos capítulos.

Ainda há muito para ser falado em relação ao Cpanel, mas este artigo ficaria muito extenso.

 

Deixarei para falar sobre as seções de segurança, gerenciamento de domínios, criação de banco de dados e softwares especiais em outro artigo que será uma continuação deste.

Gostou deste artigo?  Então insira seu e-mail abaixo e receba minhas dicas e atualizações deste blog gratuitamente

1 Comentário

  1. Pingback: Tutorial de como usar o cpanel- Parte II - Formas de se Ganhar Dinheiro na Internet.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *